vinibaggio.net

Meu ambiente de desenvolvimento em 7 itens

Hoje à tarde fui convidado pelo @jtadeulopes para escrever meu ambiente de trabalho em 7 itens, então aqui vai:

Máquina / Sistema Operacional

Sou usuário de OS X desde 2007, quando ainda trabalhava mais com Python e coisas da faculdade. Hoje uso um MacBook Pro de 13” (Abril 2010). Hardware animal, sem palavras. Este MBP fica ligado a um monitor 22” no trabalho e um 24” em casa, com um teclado bluetooth, mas com a tela fechada (não sou organizado o suficiente para organizar a tela do MBP e o externo).

De vez em quando ainda uso o meu bom e velho Macbook (White de Abril 2007) para fazer algumas coisinhas, como rodar testes demorados e rodar VM’s (algumas cópias do Windows XP com IE, um Ubuntu e um Slackware).

Editor

Usava o Vim de 2004 até 2007, mas meu colega de trabalho (ou melhor, freelas) usava o TextMate, então acabei usando ele também.

Porém, desde agosto de 2009, ao trabalhar com o @PotHix acabei voltando a usar o Vim. Mais fácil do que falar sobre essa configuração é você ver minhas configurações nos meus vimfiles no GitHub.

Recentemente eu desenvolvi um pouco em iOS, portanto comecei a usar o XCode, devido a sua integração com a documentação da API e as ferramentas associadas, justamente por estar começando a desenvolver. Pretendo voltar ao (Mac)Vim assim que estiver mais confortável com o processo de desenvolvimento.

Terminal

O meu terminal é o tradicional Bash (não tive muita paciência para testar o zsh) com um monte de coisas do bashrc que ainda não publiquei.

Uso a gem terminitor para gerenciar abas e janelas de acordo com cada projeto, mas o layout costuma ser assim:

  • Aba 1: passenger start / log
  • Aba 2: livereload
  • Aba 3: autospec ou autotest
  • Aba 4: Rails console
  • Aba 5: shell comum para realizar quaisquer tarefas

Browser

Eu uso o Google Chrome com Livereload. Esse tem sido meu browser padrão por um bom tempo já. Abro outros browsers para efetuar testes, obviamente, mas não costumo usá-los com frequência. Sou um maníaco por abas, nunca as fecho e a tendência é piorar — recentemente estou usando várias janelas do Chrome por não conseguir mais identificar as abas.

Software

Não uso muita coisa além dos tradicionais:

  • Skype e Adium
  • iTunes (nunca o fecho)
  • Dropbox
  • Skitch (compartilhar imagens com clientes)
  • Fluid (transformei Campfire e Basecamp em apps)
  • Yoru Furukou (Twitter)
  • 1password
  • reeder for mac (no iPod também)

Source-code

Uso o Git no dia-a-dia e para todos os fins tem sido perfeito. Uso o GitX para visualizar algumas coisas quando a coisa fica mais complicada e uso o Kdiff3 como mergetool (obrigado @qmx pela dica). Se você não usa mergetool, você é doido!

Música

Uso fones de ouvido anti-sociais e não escuto nada ao redor. É a melhor maneira de me concentrar e tentar dispersar pessoas que tentam interromper. É difícil se concentrar e em um ambiente aberto interrupções acontecem sempre. Música me ajuda a focar. E eu faço air-batera.

É isso aí. Convido Anderson Leite, Bruno Coimbra e Diego Carrion para essa brincadeira.


Vinicius Baggio Fuentes

Written by Vinicius Baggio Fuentes, who works in tech in NY but would rather be in the kitchen all the time. Twitter Instagram